terça-feira, 12 de julho de 2011

O cara é foda!



Meeeu PENSA num cara focado! Porque o mercado de trabalho é FEROZ!

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Toque de sedução de quem, amigo?

Tava meio bêbado lavando a mão na casa da minha amiga. Claro que essas elocubrações idiotas não vem à cabeça quando a gente tá em perfeito juízo, vamo cumbiná.

O sabonete chamava "Tentação de Pera". Puta barata que pariu o desgraçado do marketeiro.
Com chantilly hidratante ainda por cima!

Quem foi o GÊNIO a dar nomes bizarros pra simples barras saponáceas???

E tem toda uma LINHA de produtos com esses nomes...tipo Desejo de Amora, Surpresa de Morango (???!!!!!), e o campeão, DELÍCIA DE MACADÂMIA!!!

Então agora DESEJO SEXUAL + COMIDA + SENSUALIDADJJJI = NOME DE SABONETE!

E eu que sou do tempo que vinha escrito, quando muita viadagem, um "calêndula", "aloe vera" basiquinho? Como fico?

Imagina onde fica a permissão pra ter um pentelho numa coisa dessas? Quedê o toque de realidade?

Sérião, temos que nos unir contra a tendência Família Restart dos produtos cotidianos!

Isso fora uns com nomes que mais parecem convite de Motel tipo...DEGUSTE-ME. Sei lá...acho que vou sonhar com um sabonete falando isso pra mim, me engolindo e vomitando bolhinhas de sabão.

Alô galera do Marketing: TUDO TEM LIMITE!

sábado, 25 de dezembro de 2010

Lucas de Natal


Imagine a dificuldade que é ficar explicando todas as viagens absurdas do conceito natalístico pra convencer o Lucas que o bom e velho senhor existe.

É, pois é. Coube a mim parte desta difícil missão. Sério que eu quase contei pra ele que é tudo mentira. E, porra, não faz mesmo sentido NENHUM essa coisa toda!

Começou que ele tava ansioso pela chegada do velho. Eu, na minha inocência extrema tentando distraí-lo, perguntei: Você já viu um trenó??? E fomos pro Google ver fotos de trenós.

Vendo o bagulho VOAR puxado por RENAS, ele pergunta:

-Tio...o trenó VOA puxado por RENA??
Eu, prevendo que a conversa não estava tomando um rumo bom:
-É, sim.
-Mas elas tem asas???
-N-n-não...
-E então como é que voa?

No alto de minha sapiência:
-São renas mágicas! Elas simplesmente voam!

Rudolph, provando que não é fácil a vida de Rena mística.

Com a maior cara de AHAM CLÁUDIA SENTA LÁ, ele responde:
-Ai tio...isso é impossível. Não existe! Eu acho que te enganaram...as renas não voam!

Eu, desconcertado:
-É, talvez tenham fantasiado um pouco a história pra mim...

O sino tocou, deixamos a toquinha vermelha esquecida no gramado e o presente tava lá.

Para o Lucas, isso é o que interessa. Por ora.

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Lucas e a biologia genética avançada

Minha vó tenta convencer o Lucas a se alimentar bem:

-Lucas, se você não comer direito vai acabar ficando anão!

Ele responde do alto de seus 5 longos anos:

-Vó...eu sei que anão é anão pela genética!

O_o

Ahhhhh não!!!! (TUDUM PISH!)

Sipá ele É um anão e não sabíamos até hoje. A descobrir.

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Que porra é esta?

Conversa entre o "artista" e o empresário:

- Sabe...acho que esta música não tem muito potencial...
- Claro que tem! Já enxergo vocês brilhando em Hollywood!!! Acredite em mim, eu tenho o olho treinado para o sucesso!
- Não sei não...
- Confie em mim. Vocês só precisam de uma roupa bonita, uma locação única e ORELHAS E RABO DE COELHO!

Deu nisso:



QUE PORRA É ESTA?

Atente para:

  • A boca bizarra do vocalista (Steven Tyler já disse que vai cobrar os direitos autorais por esta tentativa bizarra equatoriana de imitação gratuita)
  • As mechas no cabelo do dançarino SO LAST SEASON.
  • A ambientação para o clipe (uma escolha sensata)
  • A animação dos figurantes!
  • A beleza do vestuário!
Aí você se pergunta: Quanto será que estes caras ganharam para fazer isto? Quantas vezes eles ensaiaram? Como pode um peixe vivo viver fora da água fria?

Obrigado, Deus, por me permitir ser ridículo neste grau apenas em bailes à fantasia sob o efeito de etanois.

=)

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Ilustre Candidato

Já que as eleições são conceitualmente uma piada e o deputado mais votado do Brasil é um palhaço, cá estou eu para não perder a piada e rir para não chorar.

Momentos de Tensão: Tiririca fazendo cosplay de cidadão comum.

Analisando a cadeia hereditária lista do TSE dos Deputados Federais, descobri pequenas pérolas do humor. Seres que se candidataram com nomes indiscutivelmente bizarros e levaram votos (por incrível que pareça). Para você que não terá disposição de divertir-se genuinamente com eles, trago abaixo a peneira dos melhores momentos:
____________________________________________________

ZICA (O mínimo que eu esperava dessa candidata azarada era não ser eleita, néam).

ZÉ AMIGUINHO (Alô Kiko do KLB, olha o sentimento de pedofilia aí. Se ele te oferecer um docinho, NÃO ENTRE NO CARRO!).

MARCOS DA FOTO (Fica aí a curiosidade pra saber que foto tão importante era essa).

MAGAIVER (Sim, depois de fazer bomba com chiclete e escalar o Everest vestindo apenas uma tanga, ele resolveu se aventurar na política brasileira. Não contava com a candidatura de Chuck Norris, que é sempre imbatível).

FELICIDADE (É, pois é. Nego toma um ácido pesado e vai pras urnas).

JOSUE TOPA TUDO (Vou te entregar a Erundina seminua pra ver se você é fiel a seus princípios eleitorais...).

ATOR PABLO CIVITELLA (Infelizmente não conseguiu pegar o papel de salafrário).

SONRISAL (Constituindo com o candidato Felicidade a chapa da alegria).

EDSON DA PAZ (O CANTOR) - (Recuse imitações).

ANGINHO DOS TECLADOS (Meldels. Sério que tô sem palavras).

TERESA JAPONESA (Adoro essa niponicidade aflorada na Dona Teresa. Que a força de Jáspion esteja convosco).

BOCA NERVOSA (Te apresentava a Garganta Profunda e aposto que vocês iam ter muita coisa pra conversar).

PADRE PEDRO (O trava-língua eleitoreiro).

AKIKO AKI (Kumékié?).

MARCELO MADRUGA (Prometeu que nunca mais um cidadão de bem ficará sem pagar os 14 meses atrasados de aluguel).

BRANCO (Cujo slogan era: "Não vote em branco, vote em Branco". Aposto e ganho).

NHA NHA (O primeiro candidato-grunhido da história do Brasil).

CRIS CABRAL OU CRISTINA CABRAL (Alerta de Dupla Personalidade. A candidata dois em um).

PIRU (Inclusive perfeitamente grafado de acordo com a Nova Regra Gramatical ®).

LEONEL NA HORA (O candidato que JAMAIS se atrasa. Próximo).

PAI FRANCISCO DE OXUM ( Ê ê zizinfrin tá dando passage!).

ROSANA STAR (A candidata que brilha nos holofotes).

GLEDSON TIGRÃO (Juntando com o Boca Nervosa e o Josué Topa Tudo dá uma suruba BOA).

OBAMA BRASIL (Como não?).

TIO DO DOCE (O fornecedor do Zé Amiguinho. Olha a formação de quadrilha aí gentch!).

O POLITIZADOR DO BRASIL (HaHaHa. Teve nem mil votos. Percebe-se que é um candidato de sucesso).

OBS: A esta altura a lista está cada vez melhor.

TYLDE DO CÉLIO CLETO (Meldels, me vê um Lexotan 500 mg. e uma garrafa de uísque pra entender essa proposta).

DONA HILDA SEM ESCOLA (Depois dos Sem-Terra e Sem-Teto, ela funda o movimento junto ao presidente Lula).

SAMBIASE (Se fosse Simbiose eu votava. Fica a dica biológica).

DEF.BIODIESEL-SILASEDUARDOINKE (Reitero. Duas garrafas de uísque).

IVAN O TERRIVEL (Entrou para história com Alexandre, o Grande. Só um pouquinho menos popular).

MADONNAKÁ É KATIA THOMÉ (SUPER REITERO. Três garrafas de uísque e uma Ritalina).

BINLADEN (Pensa alguém que inspira confiança)

CIGANA (Taí outra coisa em que o povo confia: Ciganos).

PÉ VERMELHO (Oi?).

JOHN KENNEDY (Porque só no Brasil John Kennedy concorre diretamente com Obama e Binladen. Ah, e sem a ajuda de Pai Francisco de Oxum, hein!).

NICE SOU A DIARISTA (Já podia pôr o telefone de contato na urna e aposto que teria trabalho todo dia).

GERALDINHO O ILUMINADO (Alô Stanley Kubrick, vem cobrar os royalties aí. Agora sim, com a ajuda de Pai Francisco de Oxum).

TETRANETO DO ZUMBI DOS PALMARES (RYSOS!).

ANGELO COITADO (Óun. Dá cá um abraço. NOTA: Candidato suicida-se após derrota nas urnas).

PROFESSOR ROBERTO CARLOS ( Quando eu estou aqui... )

REIZINHO (Diretamente do condado da Puta que o Pariu).

AGENTE GEAN (Tam dam tadam tam tam)

JÔ DO MAGRÃO (O candidato-paradoxo. Beijo do gordo!)

ARAMI O AZEITONA (Que juntou-se ao candidato AGENOR BISTECA para fundar uma churrascaria).

PÉPE (O candidato que tira a vela).

MULHER PÊRA (TEVE ZERO VOTOS! Um belo final de lista!)

_________________________________________

Os mais sinceros votos de que tenham mais sucesso da próxima vez. NOOOOOOOT!

Nota: Nenhuma das afirmações sobre os candidatos tem fundamento realista. Quaisquer citações são mera fantasia e não representam necessariamente a verdade.

PS: Porque responsabilidade jurídica dói.

sábado, 2 de outubro de 2010

Terminei

Então o Lucas agora tem um megafone.

Ele acaba de falar do banheiro com voz de protesto político:


"Mãe, termineiiiiii!".

É a tecnologia em serviço da comunicação bem direcionada.

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Sobre Freddy Krueger e o plano de saúde...

Escolher médico em São Paulo não é uma tarefa exatamente fácil.

Eu sou acostumado com o interior, onde você tem um médico de confiança pra tudo, vai nele de olho fechado e é tão íntimo de você e toda sua família que não pode nem contar direito os sintomas pra ele, porque se descobre que você deu umas bimbadas por aí é possível que tenha sido com a filha dele. Aquela vaca. (#desabafo)

Então. Em São Paulo num tem disso. Pra começar que médico tem especialização. Cada um trata de cada coisa. Quando eu abro a guia do convênio, meu único e fidedigno critério de seleção é a distância da minha casa. Ou seja: Se o Freddy Krueger (obrigado Google) atende aqui na esquina, eu vou nele. Se o Ivo Pitanguy atende em Itaquera, jamais. Entendeu a relação? É super inteligente.

E o tempo que eu perdi no Paint fazendo isso?

Aí eu ligo e falo com a secretária. Se ela me diz que ele pode me atender AGORA, ou muito em breve, eu desligo, porque né? Médico desesperado por cliente, deve ser uma bosta. Se eu ligo e ela fala que a consulta é só pra daqui a 17 anos, eu desligo, porque né? Médico ultraocupado é metido e não tem tempo pra te ouvir direito.

Ou seja: tem que ser perto e medianamente ocupado. Pronto, tá aí uma coisa difícil pra cacete de encontrar. Ah, e se possível, confiável.

Então DÁLISENS que eu tenho que ir achar um. Depois conto como foi. Ou não. E se for o Freddy?!

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Lucas e o Socialismo

Então meu sobrinho Lucas, hoje com 5 anos, como não poderia deixar de ser já discutiu comigo uma das bases da "Teoria de Classe". Juro.

Porra, aos 3 ele sabia que uma cigarra tem exoesqueleto, queria O QUÊ?

Foi assim. Comi num restaurante japonês da minha cidade que é ruim pra caralho, apesar de super bonitinho. Ele ficou sabendo disso:


- Tio, mas se o dono faz um restaurante bonito, porquê ele faz comida ruim?
- Porque ele não está preocupado com as pessoas, ele só está querendo saber de ganhar dinheiro.
- (Com uma sobrancelha arqueada e ares de indignação) Ai tio...porquê só se preocupam com o dinheiro e esquecem das pessoas????

o_O

Tive que responder:

Karl Marx escreveu um livro pra responder essa sua perguntinha. Leia e depois a gente conversa melhor sobre isso.

Graças a Deus ele não entendeu a conclusão da conversa.

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Dona Zeferina

"Sua vida está toda errada!". Foi a última frase que ouvi daquela senhora roliça, com o buço saudoso de uma cera e a sudorese se fazendo nítida na cutis em um dia mais seco que vagina de freira frígida.

Aquela mulher que tomaria 27 minutos de meu precioso tempo não sabia, também, quando me perguntou "Qual o seu nome?" que minha vida era toda errada.

Dona Zeferina é baiana arretada, gorda, sustetada por duas pernas de siriema que se deixavam aparecer sob a saia que usava pouco abaixo dos joelhos. Ah, sim, esqueci de mencionar: crente. E aí está a explicação para todo o erro da minha vida que ela pôde encontrar.

Mas até então, quando ela me perguntou "Qual o seu nome?", eu não tinha como saber que não poderia contar minha vida ipsis litteris para aquela doce senhora com um diastema tão grande nos dentes centrais que caberia uma cenoura entre eles (ou o objeto roliço que lhe valha). Nada além daquela saia horrorosa denunciava suas convicções psíquico-antropo-sócio-religiosas.

Respondendo a duas ou três perguntas sem intenção de mentir, representei pra Dona Zeferina o Belzebu na terra (e olha que fui raso, hein!). Se o Tinhoso aparecesse cheirando enxofre naquela hora, acho que ela se abraçava com ele pra lamentar por mim.

Acho engraçada essa síndrome de super-heroi mal-resolvido que evangélico tem. Cacete alado, QUEM FOI QUE DISSE que eu quero ser salvo? E, bom, se pra ser salvo eu preciso perder parte da minha massa encefálica e capacidade crítica, FO-DEU. Sou tipo um anão na areia movediça, mano: caso per-di-do.

O Deus de Dona Zefa: Sabre de luz de fábrica ilumina sua vida.

Quando ouvi a frase supracitada, por 3 vezes glória o Senhor teve piedade de mim e chamou pra embarque, e ela se esvaiu como um peido. Sim, porque tem uma coisa que pobre tem mais medo que do Coisa Ruim: perder condução (seja ela terrestre, marítima ou aérea). Com a benevolência dEle, fomos separados por 8 fileiras no voo, o que não a constrangeu em me fazer um sinal da cruz enquanto aguardava a minha mala na esteira de bagagens.

Disse ainda, já em tom conformista: "Olha bem, Deus ama você, viu. Se arrepende de tudo que Ele te aceita no reino dos céus".

Tocado por um sentimento da mais profunda resignação, arrependi-me. E aqui estou contado esta linda história...no BLASFÊMIA cotidiana.

Tem coisa que só acontece comigo.

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Senso de noção

Outro dia me perguntei: pra quê ter um Blog? Não, sério, pensa bem. Eu não ganho nada com isso, passo o tempo todo observando atentamente às estapafúrdias cotidianas pra me gerar ideias pra escrever aqui (que geralmente esqueço depois de alguns minutos, mostrando que não eram tão boas assim), nunca comi ninguém por causa do Blog e fico constrangido quando recebo elogios por causa dele.

Aí eu venho, sento diante da tela, coço o saco a cabeça uma ou duas vezes com a cabeça do dedo porque minhas unhas são roídas. Desembesto a escrever, leio e me divirto comigo mesmo. Abro o Google Analytics e os gráficos continuam sempre na mesma toada pessimista.

Mas vocês estão sempre aí! Sim, você aí que tá lendo isso. Com um comentariozinho aqui outro lá, ou na silenciosa marcação do gráfico do Analytics, em números e porcentagens, você existe pra mim, e é o motivo de eu escrever aqui, mesmo ocupado pra cacete, mesmo que de vez em quando, mesmo quando num teve tanta graça assim. É muito bom saber que eu não sou aquele mendigo que fica conversando com a parede do Masp.

E pronto, termino aqui meu agradecimento bichinha por vocês estarem sempre aí. Muito obrigado galerê.

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Mais uma Etapa...

Então eu comecei a fazer cursinho. Sim. Obstinadamente cego em meus plausíveis objetivos de tornar-me um jornalistão sem receber olhares de "Mas você é formado em quê mesmo?", entreguei-me ao carrasco ao dever de relembrar tudo que nem sequer povoa mais meus pensamentos. A não ser a aula de reprodução humana, em biologia. É, essa talvez povoe.

Hoje na aula de história o professor falava das grandes navegações e como sempre veio com aquela história que um dos motivos dos portugas saírem de seus respectivos lares rumando o desconhecido, eram especiarias.

Não pude evitar de levar meu pensamento a Constantinopla longe: QUE CARALHA DE COMIDA RUIM fazia Maria pro Joaquim largar a cerveja, o futebol, a empregadinha gostosa, pegar um barco zuado, cheio de marmanjo fedido e sair por aí correndo risco de vida. Porra, isso não faz sentido nenhum. Ou Maria tinha uma mão de merda pra cozinhar, ou o Joaquim tinha uma síndrome da perna inquieta pra arranjar uma sarna dessa magnitude pra se coçar.

A boa e velha gororoba.

Quando voltei do meu devaneio, já estava em D. João. Volta, Victor, VOLTA!

sábado, 31 de julho de 2010

Diga-me o que vestes...

Eu peguei o Metrô hoje e vi um cara com uma camiseta com uma mensagem. Camisetas com mensagens me deixam tenso. Eu PRECISO LER o que está escrito nelas e fica ridículo porque o possuidor de tal artigo vestuário percebe que você está lendo. Mas quem anda com camisetas com mensagens deve se colocar na posição de outdoor e não se emputecer se as pessoas ficam lendo sua barriga o tempo todo, porque né...foi você quem começou.

Mas o fato é que a camiseta do cara dizia: “I look like a star, I rock like a rockstar, I play like a pornstar” (você, animal que não entende inglês, vou economizar sua ida ao Babylon: “Eu pareço um astro, eu toco como um astro do rock, eu faço como um astro de filme pornô”. Putz, agora entendi porque as legendas dos filmes são tão toscas). Meu, sérião. O cara NÃO PARECIA um astro, não devia ser um rockstar e DEFINITIVAMENTE não é um Deus dos lençóis. Era meio carequinha com o cabelo compridinho do lado (à la tiozinho que joga pra cima da careca e PENSA que engana alguém), gordinho, da barba malfeita, com um par de óculos comprado sem receita na farmácia da Dona Adélia.

Então por Dels, QUAL O PROPÓSITO DISSO? É pela piada? É um tratamento de auto-estima recomendado pelo terapeuta (que depois vê pessoas pagando esse mico e se rebenta de rir)? Ou é a mais pura auto-enganação? Midá uma vontade louca de parar e perguntar pro nego: Que que você quer com isso, filhô?

Outro dia vi uma tiazinha na Paulista com uns 60 e pico anos, as teta NO JOELHO, usando uma baby look escrito SEXY em rosa com letras garrafais e muito glitter. Porra, tia. PORRA! Se a senhora usasse uma camiseta escrito “Great cooker”...ou “I’m really nice”, eu juro que num ia me opor. Mas se tem UMA COISA que a senhora não é, é sexy.

E pior...uma camiseta de um menino outro dia que tinha escrito uma palavra em francês que eu não lembro qual e embaixo escrito em inglês: “Não faço idéia do que seja isso mas soa legal”. Pelo menos esse assume que foi lá na Renner, catou a camiseta que tava na seção 39,90 e não sabe o que significa porque passa mais tempo na internet do que fazendo um curso de francês.

Bom, a moral do dia é esta: cuidado com o que sua roupa diz porque...porque...ah, se não você fica ridículo. (Prometo pensar em uma frase de efeito da próxima vez que quiser fazer uma moral da história).

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Faz zum-zum pra eu ver

Tá, eu amo os Novos Baianos, mas vamos combinar que a capacidade interlocutiva para designar nomes a filhos não é um dom nato de Baby do Brasil (que por sua vez já se chama Bernadete Dinorah, provando a origem antiga deste gene) e Pepeu Gomes.

Baby mostra, também, sua incapacidade de escolher shampoos tonalizantes da Wellaton.

Que o digam Sara Sheeva, Nana Shara (Que merece um grande parênteses: se chamava Riroca Baby, mas sentiu-se constrangida pela estranheza do nome e mudou para Nana Shara. Se eu fosse o juíz mandava tomar no cu. Neguinha pode chamar Maria, pode chamar Fátima, pode chamar o que quiser e vem me escolher NANA SHARA. Peralá, né), Zabelê, Kriptus Rá, Krishna Baby e Pedro Baby! Tudo bem, Pedro Baby ficou no meio fio entre a loucura e a sanidade mental.

Enfim, é de deixar qualquer Marisa Monte com uma inveja danada!

Por isto criaram um divertidíssimo "Gerador de nomes de Filhos da Baby Consuelo". Bota lá o seu nome, seu sexo, e o site te leva a uma atmosfera superior de compreensão denominativa. Corre!

Encantado Jaguá
(ou Victor Gouvêa...como Krishna queira!)

quinta-feira, 24 de junho de 2010

PUTAQUEL!

Gente bonita que acompanha minha incursão (ou peregrinação, uaréva) ao mundo Jornalístico:


ENTÃO. Peguei minha dignidade e prestei de novo. Passei de novo pra segunda fase, onde eu parei da outra vez.

Mas segurem os cus nas bundas: EU PASSEI PRA TERCEIRA FASE!!!!!

Caralho, tô quase indo abraçar o porteiro, estourar rojão com a Dona Ruth, sair dando cambalhota pelado com um pirulito na boca!

E porra, como tudo foi no tempo certo. Eu precisava levar um tapa na cara pra lembrar que eu preciso aprender MUITO ainda, antes de sequer imaginar ter um ego jornalístico. E assim foi. Agora eu tô pronto e quero aprender tudo que tiver pra aprender.

Conto mais com o desenrolar dos fatos. Amo vcs (momento a vida é bela).

PS: Desculpem minha ausência mas né...fim de semestre é SEMPRE de fuder.

sexta-feira, 11 de junho de 2010

Truques da vida

Gente, aprendi a me livrar de chateações mínimas que incomodam nosso dia-a-dia e venho ensinálos! (/vamosfalardecoisaboa)

A primeira delas foi como me tornar um BFF da Dona Ruth! (Lembra do meu romance com ela?).

Agora eu entro no elevador e, quando ela está, ao invés de apertar 5º andar e deixá-la vomitar em cima de mim, aperto o 6º e desço um lance de escadas! Conclusão: Em nosso último encontro ela até lamentou por eu estar sem blusa num dia frio daqueles e disse pra eu me cuidar!!! PRONTO!

Mas a principal forma de me livrar destes pequenos importúnios (também chamado de "telemarketing ativo"), foi perceber o que a desgraçada quer me vender e começar a dar negativas.


Há 10 minutos uma moça da Itaúcard me liga pra oferecer um cartão, e começa a sabatina:

- Qual é a profissão do senhor?
- Estudante (Ouve-se um "Uhhhhhhh" ao fundo)
- O senhor tem alguma renda fixa, salário?
- Não..
- Um aluguel, fundo de investimento?
- Hum...não?
- Uma remuneração ainda que esporádica?????!!!!!
- Ãhnnnnnnn...NÃO!
- Obrigado pela sua atenção - TU TU TU TU

Shazam!!!! Me livrei dela em menos de 1 minuto! E a do Telemarketing dos filtros Europa by Hebe:

- Olá senhor, teria interesse em estar adquirindo um filtro Europa que tem dois filtros internos que (...)?
- Eu já tenho.
- E o senhor gostaria de estar agendando uma visita para limpeza do seu filtro?
- Foi feita mês passado!
- Ok então, senhor! Obrigado pela atenção!

Sério, gente, Façam vocês também. Aprendam a dar o que as pessoas querem (/piadinha) e sejam felizes. =D

Fica a dica.

terça-feira, 1 de junho de 2010

Sobre o lusho...

Estive há pouco em um restaurante chique diante de um incontestável paradoxo para aquele recinto: uma azeitona.

É impossível se manter phyno comendo um fruto das oliveiras! De Jacqueline Kennedy a Genival Lacerda, de Marilyn Monroe a Tiririca. Somos todos iguais perante elas, e invariavelmente deselegantes.


É uma tarefa conceitualmente desastrosa botar boca adentro uma bolinha, chupar sem ficar com a boca aberta para ela não escapulir, mas cuidar para também não engolir, e, por fim, cusparar um caroço babado. Sabe?!?!!!

Há momentos em que a vida nos confrange a perder a elegância. Somos levados por forças maiores a descer das tamancas, precipitar circularmente a conterrânea de Caetano Veloso, baixar o nível e nos tornarmos populares quaisquer.

Por exemplo...queria ver Madre Teresa de Calcutá dirigindo no trânsito de São Paulo. Não dáááá cara! Se você não soltar um "putaquelpariuzinho" que seja, morre do coração aos 27 anos no meio de um bingo beneficente!

E atendente de telemarketing?!!! Especialmente os de telefonia/internet recebem treinamento nazista pra en-lou-que-cer. Gente, juro. Eles poderiam ter sido usados em plena ditadura militar pra arrancar confissões de presos políticos:

- Senhor, o senhor está sendo acusado de crime político.
- Minha filha, me fala o que consta nesse processo! Nem sei do que você está falando!
- O senhor sabe o número? Fica embaixo da mesa que o senhor topou com o mindinho esquerdo no dia 27 de abril de 68.
- ÃHN???!!! Não faço a mínima!!!
- Só um minuto senhor que vou estar checando no sistema.
(1 hora depois de musiquinha feliz tocando)
- Senhor, nosso sistema está lento hoje. O Senhor gostaria de estar aguardando?
- ¬¬
(Mais 1 hora de musiquinha feliz)
- Senhor, encontramos seu processo.
- E então o que diz?
- Tu...tu...tu...tu...

Meu, o cidadão escolhe a forca, decapitação em praça pública, prisão perpétua ou empalamento a ter que falar com aquela filha duma quenga de novo.

Por isso, depois de muito refletir, entendi: Se a vida lhe pede pra ser baixo, SEJA! Chupa a azeitona, cospe o caroço na cara do garçom, xinga o motoboy, manda a atendente tomar no cu.

Mas, claro, com classe sempre.

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Os surtos condominiais

Recebo mais uma notificação do prédio, que parece ter sido redigida por Dali, dada a surrealidade do conteúdo. Transcrevo abaixo a ser comentado posteriormente:

________________________________________

Prezados Condôminos

Recebemos mais um bilhete da vizinha Senhora Antonieta, com os seguintes dizeres:

"Vilma - Peço a você que vá à minha casa. Continua jogando cigarro aceso no quintal. Meu filho comprou carro conversível (com lona). Há perigo de queimá-lo. Antonieta".

Lembramos que supostamente o mencionado carro custa um valor alto e em caso de reparação de danos todos os condôminos arcarão com a despesa.





_________________________________________

Bom, eu fiz uma carta-resposta, que acho melhor não enviar por ora, mas publico aqui:

_________________________________________

"Dona Antonieta com cara de...de...bom, esquece,

Em primeiro lugar parabéns pelo bilhete bem escrito. Um aluno da 1ª série com DDA, dislexia crônica e sob doses cavalares de rivotril 500 mg não faria melhor.

Se você sabe que a puta da Vilma tá jogando bituca de cigarro no quintal, não deveria convidá-la para um amigável chá, mas sim quebrar a cara dela. Da próxima vez peça pro corno do seu filho parar o carro-supostamente-caro na garagem, e não no quintal, que lá não é o lugar dele. Se esse desgraçado tem dinheiro pra comprar um carro conversível, o MÍNIMO que eu espero dele é poder pagar um estacionamento.

Quero que a senhora tenha ciência que eu estou CAGANDO se seu filho queima e não vou pagar porra nenhuma se a maldita da Vilma não parar com essa putaria.

Carinhosamente,

Victor do 52."

Tia Vera - Parte II - Rapidinha

Então minha insana Tia Vera, que eu já contei uma história ou outra aqui, vem com uma nova.

Foi levar minha prima na escola de camisola por preguiça de botar a roupa e levou uma batida de um busão. Ela falando:

"Porra, tive que ir discutir com o motorista com as tetas no joelho, sabe?!"

Depois, ainda sobre suas indumentárias:

"O duro foi eu de pantufa rosa no meio da Heitor Penteado tendo que ouvir 'gostosa' de motoboy!"

Essa é minha tia q MIMATA de orgulho!

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Lucas e as escolhas

Antes de contar a história, preciso esclarecer algo. Meu sobrinho Lucas, que por diversas vezes já contei peripécias suas nestaporra blog, não é uma criança-prodígio (UUUFFFFAAA).

Eu também odeio esta tipologia de criança multi-tarefas e garanto que este não é ele MESMO. Ele não canta, dança, sapateia ou interpreta nada. Bom, interpreta um pouco na hora do almoço, do banho, mas enfim. Ele inclusive foge das apresentações escolares. Ele só é sagaz!

Dito isto, conto o que se sucedeu. Estava assistindo um desenho de dinossauros com a minha vó:




- Olha, bisa, estes são dinossauros que comem só plantas!
- É, Lucas, eles são vegetarianos...
- Não. Eles são herbívoros. Não escolheram comer só vegetais...

Minha vó: Aos 80 anos, NUNCA tinha pensado nisso!!!!

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Levando vantagem...


Gente, sério! Pela primeira vez NA MINHA VIDA, eu vou ter alguma vantagem financeira em ser...EU MESMO!

Fui na acadimia renovar minha concessão de tortura alíquota de exercícios e, qual não foi minha surpresa, ao descobrir que terei um desconto na mensalidade?!


Meu destino, em breve, depois de ganhar motivação extra com o desconto.

Sim! Em tempos que a Coca-Cola custa R$2,50 (bem me lembro quando punha uma moedinha prateada de 1 real na máquina e pipocava uma latinha gelada), a mensalidade da minha academia vai cair.

Quase trepei balcão acima pra beijar a recepcionista na boca!

Tudo isso porque eles tem agora um plano pra quem usa das 9hs às 17hs que é CINQUENTA REAIS mais barato. Quédizê, vou economizar 50 paus por acordar tarde!!!

Adorei muito essa novidade e, principalmente, a burrice deles que nunca perceberam que eu continuaria pagando o mesmo valor de antes pra usar nesse horário, já que nunca acordo antes das 10 da madrugada.

Deus ajuda quem cedo madruga, MEU CU! Porque Ele fica na balada comigo até mais tarde!

O supino que me aguarde!

A escárnea do Twitter, irmãos!

Eu aviseiiiii, caros amigos! O Twitter é um malefício na humanidade!!!! (/mendigoprofeta)

Agora a minha conurbação de ideias infinitas é toda resumida em míseros 140 caracteres!

E este humilde espaço de livre-expressão inútil me parece às moscas. É um lamento. Toda vez que uma ideia boa me vem, eu tuito. Que praga!

Juro solenemente perante estes singulares leitores que a partir de agora vou esforçar minha mente perturbada criativa para ter ideias para ambos veículos de comunicação, já que o Blasfêmia Cotidiana nasceu, ganhou pêlos no sovaco e no saco antes mesmo do twitter existir.

Ou, num momento de carência de mim, leia meu Twitter, AQUI (não precisa ser twitteiro pra ler o dos outros, ok?).

Momento TÁSIACHANU, né? Quem disse que alguém tem carência de mim (além da minha mãe (espero)), ó Jesus?

Aguardo as próximas visitas com bobeiragens e um chá de flor de pitanga. Ou uma cervejinha, se o tempo melhorar.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Monólogos da Torradeira

Outro dia parei pra prestar atenção que a modernidade anda tirando com a nossa cara. De repente me peguei quase discutindo com o meu telefone celular que nada é além de uma máquina. Ri sozinho.

Percebe como esses putos desses aparelhos andam contundentes. A minha briga com o celular foi que a mulherzinha me avisou, primeiro amigavelmente:

"Seu saldo está abaixo de dez reais. Efetue uma recarga".

Tudo bem, foi um toque de amigo assim...tipo "Brow, tá acabando hein, põe dinheiro na bagaça...abraço!". Agora quando diminuiu mais ainda meu poderio econômico junto à operadora, ela só faltou me cuspir na cara! A entonação da mulher é EMPUTECIDA com a minha pobreza. Juro!

"Atenção! Seu saldo está abaixo de DOIS (esse dois é muito enfático!) reais! Efetue uma recarga I-ME-DI-A-TA-MEN-TE!".

Aí sim, o tom baixou. Ela deixou de ser minha amiguinha e desceu das tamancas! "Puta que pariu, sua BESTA. Eu te avisei que a porra do seu crédito estava acabando! Vai AGORA botar dinheiro nessa porcaria, seu MERDA!"
Rosie, o primeiro exemplar metálico que se emputecia.

Tô vendo o dia que a torradeira vai me dar um tapa na cara!!!

E o GPS?! Experimenta não virar na rua que ele te mandou! A mulher quase pula no seu pescoço! "Vire À DIREITA!" Ela só não põe um "Porra" no final da frase por consideração à sua vó que tá pegando carona com você.

E acho que eles sempre põem mulheres pra dar a voz dos aparelhos porque se fosse um cara com a ênfase da mulher, eu descia do carro e corria de medo dele!

Tenho saudade da época que meus objetos não falavam. De repente me sinto num episódio dos Jetsons. Só falta meu carro voar...

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Trabalhar pra quê?

Sir Oscar Wilde dizia que "O trabalho é a praga das classes bebedoras". Eu e mais uma galerinha aí temos que concordar. Quem disse que o trabalho enobrece o homem só podia lucrar muito com isso. O trabalho me faz perder tempo de conhecer mais a arte, livros, músicas, filmes e ser feliz.

Sabe aquele dia que você tem vontade de mandar todo mundo tomar no cu e sair pisando duro e batendo portas no trabalho? A maioria das pessoas SUPER AGUENTA essa vontade. Tem gente que não.



Este vídeo me fez lembrar o garçom de um restaurante aí que eu não Jig's, ops...digo o nome por questões éticas. Pedi o hamburger que parecia extremamente apetitoso no cardápio. Ou pelo menos deveria ser pelo preço. Quando chegou, aquela decepção:

-Porra, ISSO é aquele sanduíche?

O garçom, na maior naturalidade:

- É porque você não viu o cachorro quente!

Fiquei tão sem reação com a condescendência do funcionário que até comi o lanche sem reclamar.

Depois, quando perguntei se um buraco na mesa servia pra jogar lixos, ele responde:

-Não serve, mas joga o que você quiser aí!

Apreciei TANTO a honestidade daquele garçom que deixei uma gorjeta.

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Lucas e a motivação

Meu sobrinho, Lucas, agora no alto de seus 5 anos, dando um banho no meu pai, seu avô.

- Vô, vem jogar videogame comigo?
- Ah Lucas, eu não sei essas coisas!
- Tudo bem, eu ponho um bem facinho pra você!

_________________________

- Vô, monta esse brinquedo da Hot Wheels pra mim?

Horas depois, sem sucesso:

- Lucas, desisto! É muito difícil!
- Vô, pra conseguir tem que persistir, poxa!

Resolveu insistir dado o tapa na cara do infanto, mas desistiu tempo depois novamente:

- É Lucas, não dá mesmo. Não sei montar isso.
- Tudo bem Vô. Pelo menos você sabe montar os do Kinder Ovo.

O_o


domingo, 4 de abril de 2010

Andanças

Pra ninguém dizer que eu sumi, ando meio atarefado. Mentira. Ando meio desligado do mundo virtual. Mas vou me reconectar. Aí vai uma foto que ilustra bem um post antigo. Pra você que não leu, leia, é divertido.

Nosso compacto europeu e eu dormindo na praça loucamente.


Beijos, ovos e sambarilóve. I'll be back.

terça-feira, 23 de março de 2010

Sobre assaltos e sobressaltos


Técnica anti-assaltos: Seja fofo

Sabe que ser assaltado é uma oportunidade única na vida de muita gente, né. Bom, não na minha, que já fui assaltado SEIS VEZES. O melhor de tudo isso é que a soma total dos valores subtraídos do meu patrimônio nestas seis ocasiões foi de R$ 30.


Negocie com quem pode, porque dos assaltos cotidianos ninguém tá livre mesmo.

E tudo se deve à boa e velha lábia que me fez passar 5 anos de faculdade, 2 namoros, 1 tango e vários empregos. A arma é essa: Negocie. Eu sei o que mandam as autoridades policiais: "Entrega tudo blá-blá-blá whiskas sachê". Se eles fossem bons pra recomendar alguma coisa deveriam estar lá na hora do sinistro para evitá-lo. Esquece. Você não pode subornar ninguém pra conseguir comprar seu iPod novo. Tem que ralar, suar a camisa, economizar, pagar faturas e se fuder.

A menos que você seja a Narcisa Tamborideguy, entregar tudo que você tem não é uma opção. Há que se negociar. Que história é essa de TUDO? Porra, tudo não. Quer o botão também? Nananinanão. Vamos ver o que é bom pra você e o que é bom pra mim. Afinal business are business.


Prazos, planos, condições. Sempre.

Bom, talvez você deva ignorar tudo isto se a ameaça for real, ele tiver tomado chá de Daime sangue nos olhos e uma REAL intenção de te matar. Daí por estarem em condição desigual de argumentação, pode ser mesmo que seja melhor entregar tudo. É como você ir falar pro Bill Gates que quer comprar a empresa dele por 10 conto e uma coxinha.

Mas lembre-se: Sempre que plausível, NE-GO-CI-E. É a alma do sucesso nos negócios do crime.

quarta-feira, 17 de março de 2010

Sur-ta-do

Pra você que imaginou que o próximo passo para a degradação musical era as músicas perderem a letra por completo, chegou o momento:



Eu sei que eu sou idiota e não sou parâmetro pra muita coisa, mas RI MUITO ALTO.

O melhor de tudo: Aos 1:25 rola um Timão and Pumba Pride, aos 1:55 ele começa a surtar com risadas meio assustadoras, aos 2:00 ele ele se perde na dublagem de lá-lá-lá's e aos 2:30 ele começa a cumprimentar o cabo-man.

Um clássico instantâneo do erudito.

Preciso parar de ver e ir cuidar da vida!

terça-feira, 16 de março de 2010

Medicina Tradicional Matriarcal

A medicina pra minha mãe poderia ser toda jogada no lixo.




Sou o 4º filho, quer dizer né. A não ser que eu tenha algum membro AMPUTADO, pra ela não é nada não.

Pra minha mãe, os males do corpo são dois: Do pescoço à pélvis, são gases. Da pélvis aos pés, é muscular. E na cabeça é psicológico ou pressão baixa, portanto não é um mal.

Então teve uma vez que eu operei o nariz e a garganta. No segundo dia de recuperação, com o nariz todo tapado e a garganta inchada, não estava conseguindo respirar, fazendo até barulhinho quando puxava o ar. Falei:

- Bãããe. Zum to conziguizu respirá!

Ela olha pro meu estado pífio e responde:

-Nada amor. É psicológico. Esquece isso que já passa tá?

Bom, não passou. Ela resolveu me levar no hospital porque estava ficando meio roxo. Daí, né...talvez seja melhor dar a mão à palmatória. JUST IN CASE. Chegamos no hospital, a médica plantonista fala:

-Ainda bem que vocês vieram, porque ele está com uns CINCO PORCENTO de respiração.

Assim, simples. Tomei cortizona pra desinchar e voltamos pra casa.

Hoje em dia pelo menos minha mãe escuta o que eu tô sentindo. Claro que quase sempre concluindo: Ah, são gases! Toma um Luftal que passa! A Medicina Tradicional Matriarcal num falha jamais.

sábado, 13 de março de 2010

Uma blasfêmia de verdade...

Bom, que eu não sou um menino muito religioso percebe-se em 10 minutos de leitura deste famigerado local. Mas nunca fui desrespeitoso com nenhuma religião. Alfineto, cutuco, mas nunca faltei com respeito. Afinal né...cada um acredita no que quiser, quem soy yo pra falar que tá errado.

Tá, mas teve uma vez que eu cometi uma blasfêmia fortíssima pra católicos sem saber.


O objeto da minha blasfêmia. Não, não é o comprimidinho que você tomou ontem à noite.

Na formatura de 8ª série fomos à missa. Em tempo: Eu odeio igrejas. Me sinto mal dentro delas. É um sacrilégio enorme permanecer dentro de uma missa porque eu me sinto fisicamente mal. Não sei. Prefiro até cemitérios.

No auge da consagração sócio-religiosa (sim, porque é um tal de usar roupa da moda que eu vou te contar), meu amigos me advertiram:

-Não vai tomar hóstia porque você não é nem batizado, hein! É um pecado mortal!

Sim senhores. Apesar da curiosidade louca que tinha de saber o gosto daquilo, sentei e fiquei na minha. Aí vem uma tiazinha desavisada me oferecer. Achei TÃO indelicado recusar. Fica aquela história: Minha mãe me ensinou que se uma pessoa mais velha vem efusivamente te oferecer alguma coisa é indelicado você não aceitar versus o Padre falou que eu não podia comer aquilo.

Segui o preceito moral e esqueci o religioso, afinal aquela não era mesmo a minha religião, mas a educação com a velhinha é minha moral. Mas eu não sabia que tinha todo um ritual. Ela falou:

-Corpo de Cristo! - estendendo a hóstia pra mim.

Eu peguei com uma mão, enfiei na boca e mastiguei respondendo "Brigado!!!"

Gente, juro. O olho da velha quase saltou perante seus óculos. Além de eu não ter colocado uma mão sobre a outra e nem respondido "Amém", eu MASTIGUEI o corpo de Cristo. Quédizê né. Judas perto de mim ficou SO LAST SEASON.

Pra você, amigo não-católico, não recomendo hóstia. Tem gosto de nada e fica grudado no dente e no céu da boca. Bom, no dente foi só pra mim né, porque ninguém mastiga aquilo.

Aí todo mundo disse que eu ia pro inferno, mas juro que foi na inocência. Acho mesmo que essa injúria não vai estar no checklist de Deus quando passar dessa pra melhor.

Mas o nerd vesgo da minha sala vai. Certamente.

segunda-feira, 8 de março de 2010

Hay que endureserce...

Se Fidel fosse o dono da frase e não Che, eu diria que ele está a um passo de endurecerse. Só tá faltando o casco mesmo!



#FidelFacts

Adoro o Fidel usando agasalho da Adidas e super se esquecendo dessa bobeirinha Capitalismo X Socialismo.

Fidel apostou com Niemeyer e um Jabuti pra ver quem morria primeiro. o Jabuti tá pensando em arregar.

Fidel continua revolucionando. Atualmente ele anda revolucionando a forma de brincar de morto-vivo.

"Cuba libre" pro Fidel só com muito rum...

Fidel está para a política assim como os pastores estão para a Universal: Nada de liberdade, seu dinheiro é meu também e uma vez dentro ninguém mais sai.

Cubalança tendências ditatoriais: A moda agora é ter ditador imorrível.

Mais #FidelFacts? Tuite!!!

terça-feira, 2 de março de 2010

Diálogos inesquecíveis

Existem conversas que temos nas nossas vidas que marcam. São diálogos Patríciatravassianos de qualidade experimental. Um destes eu tive com a minha vó:

- Vó! Tá nascendo pêlo no meu sovaco!
- Logo mais nasce no saco, então.


Vídeo engraçado que se relaciona com o Post só pelo sovaco peludo do fétido Corinthiano.

Saudade da minha vó.

domingo, 21 de fevereiro de 2010

Siso Facts

Cada vez que meus dentes do siso doíam me vinha uma inspiração pra falar sobre constatações incontestáveis que descobri na prática. Te juro que tá no topo da minha lista do caderninho de dúvidas pra perguntar prO Cara lá de cima vai me dar. Pra que que serve essa porra??? Nem pra morder num serve. Só serve pra tomar sorvete.

Juntei todos os twitts que eu dei sobre os Siso Facts em um post. Lá vão:





"Siso é a resposta bucal ao absurdo do criacionismo"

"Siso é o contrato comercial entre Deus e a Eurofarma"

"O siso está para a boca assim como o dedinho está para o pé. Só que eu não bato o siso em quinas"

"Siso é a negação da Lei de Newton 'Dois corpos não ocupam o mesmo lugar no espaço'"

"O siso é a constatação mais dolorida da inexistência de Adão"

"Siso é a contrariedade à lógica Pasqualecipronetiana"

"Siso é a oportunidade de reconciliação da nutricionista com a Kibon"

"Siso é a liberdade criativa do nascimento dentário"


Mais algum? Tuíte!!!

sábado, 20 de fevereiro de 2010

Cansei

Tô mais podendo com essa menina da novela, não. Maneco (/intimidade) tá pesando a mão nessa pequena meretriz. Tá demasiadamente vadia pra uma menina que nem pêlos pubianos tem. Do jeito que essa Rafaela tá, a Super Nanny pedia as conta.

O que mais me irrita nela é a cara de Pequinês. Posso esperar o momento que ela vai latir pra Helena.



Chega, volta com essa diaba pra Búzios logo e afoga de uma vez, Giovanna!

#prontofalei


quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Ressaca de Carnaval

Ai se fosse o DeNiro. Matava eu.

Último dia de Carnaval, 6 horas da manhã. Falta de assunto com o Taxista:

Eu: Moço, você é daqui?
Ele: ÃHN????
Eu: De onde vem esse SOTAQUE?
Ele: É, SÓ TÁXI (/velhasurda).
Eu, insistente: Não, moço. De onde vem esse SO-TA-QUE.
Ele, revelador: Na verdade também tenho umas casas de aluguel...

E a conversa descambou pra um roteiro de Buñuel que se tornou irreproduzível devido às minhas condições. Depois de pegar um Táxi num FIAT 147.

É por isso que eu amo Carnaval.

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

E foi no 68...

Dirrecebo (/meninapastora) uma carta da administradora do condomínio:

Prezado Condômino

(BlaBlaBla Whiskas Sachê) em "assembleia realizada" foi decidido que os condôminos do ap. 68 devem se retirar o quanto antes, sob pena de multa, por práticas inadequadas para o convívio em sociedade, incluindo constrangedores sons e a presença constante de casais para atividades coletivas suspeitas.

Eufemismo forte pro que minha vó chamava de PUTARIA FRANCISCANA. E o pior: ninguém nem pra me convidar.

Agora analisando: Atividade suspeita pra mim é o que faz o Bin Laden com seus Talefriends em buracos no deserto. E inadequada é a vizinha velha que não vê a cor faz uns 30 anos e se constrange ao invés de ir tocar a campainha.


Exemplo real de uma prática inadequada

Tudo isso porque a velha do 69 se incomodou. Qué dizê né. QUE MUNDO É ESSE?!

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Alhos com Bugalhos


Quando eu morava nos EUA, o Resort disponibilizava carros pra levar a gente pra cima e pra baixo, do que eu me aproveitava sem pudor.

Um dos motoristas era Russel, um velho gordo pacaralho que falava como se tivesse uma batata sauté na boca e em todo final de frase tinha um tique-nervoso irreproduzível com métodos grafológicos. Mas era mais ou menos uma respirada sofrida.

Este tipo me levou um dia no supermercado. Generoso que sou, ao sair com o meu pacotinho de Hershey's Kisses, ofereci um a ele:

- Russel, do you want a KISS?

Juro. O velho segurou o volante mais forte, escorreu uma gota de suor pela sobrancelha descendo ao papo, acompanhada de uma engolida a seco. Foi virando os olhos em minha direção lentamente, descrente na situação que vivia no alto de seus muitos kilos anos.

Quando viu na minha mão a reluzente embalagem prateada deu um suspiro tão aliviado, que não pude evitar o riso.

Conclui-se: Tô com a moral nas alturas. Até velho gordo motorista de van de Resort acha que eu tô piriguetando, quédizê. Que falta me fazem uns Kisses! Uns Hershey's Kisses!!!

domingo, 7 de fevereiro de 2010

Twittá


Com um background de papel de parede de casa de vó, me declaro rendido ao mundo do twitter.

Pronto. Num devo mais nada pra modernidade.

Follow me!!!

@blasfemico


Back to Black

Miguxos e Miguxas Queridos leitores

Faço a MEA CULPA. Sumi. Trabalhei. Suei a camisa. Tô de volta. Como brinde um vídeo que chorei litros de rir quando vi. Acho que um monte de gente já viu, mas vamolá.





Pensa em alguém que se fode. Eu. Voltando de BH o avião é obrigado a descer em Viracopos depois de sobrevoar 40 minutos São Paulo e sair com atraso de meia hora.

Fazendo as contas, se tivesse vindo de jegue manco chegava antes. Qué dizê né.

Vamo que vamo. pelo menos até o recesso do CarNavAL!

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Garoto Perdido

Bom então cheguei hoje em Beagá. A capital mineira parece me reservar altas aventuras em clima de azaração muita labuta. O-D-E-I-O a sensação de chegar numa cidade que nunca pisei antes, sozinho e com responsabilidades a cumprir. Tudo parece difícil, distante e eu me vejo mais assaltável do que nunca (já fui assaltado 5 vezes, e CONTANDO!).

Daí que eu cheguei da longa viagem do aeroporto à rodoviária (juro que demorou mais que o voo de Brasília pra cá) e precisava ir num shopping pra reafirmar minha ascendência paulistana comprar um chip zerotrintaeum. Aí perguntei pra uma faxineira:

- Moassa. Tem algum shopping aqui por perto?
- Tem, o shopping UAI.
- Onde?
- Ali, ó. Segue reto que dá lá.
- Como chama?
- Chama uai!
- Péra moça. Perguntei como chama o shopping. Tipo o nome dele!
- Então. Uai.
- ???
- Meu filho. O NOME DO SHOPPING É "UAI"!

Tipo maior cara-de-pão-de-queijo EVAH. E eu achando que Uai era só ponto final de Mineiro.

Ledo engano: É shopping também, UAI!

sábado, 23 de janeiro de 2010

Na Cama

Gente, uma amiga me ensinou um traquejo que eu tenho que passar adiante. Claro que tem que ser muito idiota pra se divertir. Eu me esbaldo loucamente.

É um Orkut Improvement que não custa nada e diverte MUITO.

Sabe aquela Sorte do Dia chata e idiota que você lê e faz uma cara-de-grão-de-bico porque não diz nada pra vc?

Pois agora a primeira coisa que eu faço ao entrar no Orkut diariamente é ler a Sorte do Dia.

Simples. Insira um sufixo na frase. Leia a sorte e pense nas palavras NA CAMA no final. Pronto.

É DE CHORAR! Veja minha Sorte do Dia (/ciganaderodoviária) de hoje aditivada de NA CAMA:

Sorte de hoje: Cuidado com o que você diz; entre aqueles que não dizem nada, poucos são os que ficam em silêncio (na CAMAAAAA). (/gemepotranca)

Divirtam-se.

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Satisfa

Olha só meu povo! To nas terras-onde-se-bota-a-mão-na-cumbuca, também conhecida como Brasília, DF, again.

Sim, é mecessário trabalhar pra pagar o leite das criança. Então pode ser que este singelo Blog veja uma subtração significativa nas postagens nos dias a seguir.

Não fiquem putos comigo. Com isso to pagando meu carnaval e garantindo muitas histórias pra cá. É um investimento!

Beijo e se for de BSB me liga pra gente tomar uma cerveja nessa calor dos diabos que faz aqui!

domingo, 10 de janeiro de 2010

Cuidado com a PPD

Atente para a foto do Chico Pinheiro na Mangueira:


Chico Pinheiro, que não perde a oportunidade de ver a Mangueira de perto.

Me lembrei da vez que encontrei com Chiquinho na Mangueira exatamente no estado que ele se apresentava nessa foto. Iscrusive babando beijando a mão da minha amiga com olhar sedutor (Ah gente, ele tentou!).

Depois ele vem segunda-feira todo sério querer me convencer que a Bovespa fechou em alta de 0,69%. Sabe? Desculpa, Chico. Depois de te ver no estado que eu vi, toda notícia que você dá eu fico meio que querendo conferir com uma fonte fidedigna.

Porque pra mim, você já sofreu de PPD - Perda Progressiva da Dignidade.

E olha que é difícil de se recuperar dessa grave moléstia. Experiência própria!

Então vem comigo Chico. Só não vem querer noticiar alguma coisa séria depois, porque eu NÃO ACREDITO em Chico Pinheiro.